quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

A Mensagem (Al-Risalah) - O Filme


Eu ganhei de presente de uma amiga querida o filme A Mensagem (Al-Risalah) e me emocionei muito ao assistir ao filme, que belo presente este que recebi!

O filme retrata o início do Islam, desde o começo das revelações recebidas pelo Profeta Muhammad (que a paz e as bençãos de Deus estejam sobre ele) até a tomada de Makka, quando a idolatria foi expulsa da Qibla pelo Profeta (saws).

Produzido em 1976, o filme conta com Antony Quinn no papel de Hamza, e direção do aclamado diretor Moustapha Akkad, já falecido.

Ele foi produzido originalmente em inglês e contou com a consultoria de muçulmanos, mas mesmo assim foi lançado em meio a polêmicas porque alguns consideraram uma afronta aos próprios ensinamentos do Profeta (saws), que sempre se preocupou em não ser retratado ou cultuado depois de sua morte, pois para nós muçulmanos só existe um Deus, somos monoteístas, e só Ele é digno de adoração.

É interessante ver que o filme não mostra o profeta Muhammad já que nenhum homem é digno de se comparar a ele e portanto seria abominável ver um ator o interpretando, mas de forma espetacular, e executada com maestria, sugere sua presença nas cenas, algumas vezes mostrando por exemplo a visão do profeta sobre o seu camelo branco, outras vezes mostrando a ponta de um cajado ou fio de uma espada em batalhas e combates, mas na maioria das vezes usando o enquadramento do personagem que está dialogando com ele olhando diretamente para a câmera, um trabalho realmente impressionante.

O filme é uma super-produção e um épico, a mim emocionou muito em vários momentos, como a batalha de Badr, o sofrimento que o nosso amado Profeta (saws) suportou no início de sua pregação, os primeiros martírios de muçulmanos, a construção da primeira mesquita de Madina.

Era de fato um mundo brutal, de seca, de fome, de falta total de recursos e desolação, onde um grupo de pessoas simples e do povo se uniu para seguir a linda mensagem recebida por um homem que é de fato excepcional, Lider e unificador de todo um povo, sincero, confiável, sábio mas ao mesmo tempo simples, popular, inserido em seu tempo e sua realidade tanto quanto seus companheiros, os Sahaba.

Outro elemento muito interessante para mim foi tomar conhecimento mais aprofundado da história do Bilal (que Deus esteja satisfeito com ele), primeiro muazin do Islam, e um ex-escravo, se eu não me engano etíope, que se recusou a chicotear um dos companheiros do Profeta (saws) enquanto ainda era escravo e por isto quase perdeu a vida, e se tornou depois um dos amigos mais próximos dele.

Bilal (que Deus esteja satisfeito com ele) é hoje considerado como um "padrinho" do Islam para muitos muçulmanos africanos, e meu respeito e admiração por ele aumentaram e muito depois de assistir este filme.

Recomendo certamente!

Achei um link onde se pode assistir ao filme dublado em português, dividido em partes:


Existe também o filme na íntegra e dividido em capítulos no Youtube, mas não encontrei no Youtube a versão legendada ou dublada.

Salam!

4 comentários:

Weverton Galease disse...

Olá, primeiramente parabéns pelo blog!
Achei este belo espaço criativo ao procurar pelo filme acima, e já aproveito para te fazer um convite, vamos ser parceiros?
Próximo domingo (29/01) vou lançar um Portal Blog Informativo sobre o Mundo Árabe, e estou em busca de parcerias, caso esteja interessada, entre em contato, wevertongalease@portugalmail.pt

Abraços! Weverton!

Gisele Marie disse...

Salam Weverton, obrigada pelas suas palavras, todos os louvores são para Allah e eu fico feliz se meu blog te agrada.

Sobre o convite, sim sim podemos conversar a respeito, vou escrever para você, tá bom?

Salam =)

Juliana Torquato disse...

Oi Tu consegue me fazer uma cpoia dele?

Gisele Marie disse...

Salam Juliana Torquato, obrigada por visitar o meu blog, eu não teria como fazer uma cópia do filme, mas vc deve encontrar este filme para baixar na internet, tá bom? =)